segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Quartinhos de bebês

O correto do incorrecto

Existem muitas opções no mercado, é claro que os futuros papais e mamães estão livres para fazerem suas escolhas; mas aqui vai uma análise bastante sensata.
Um recém nascido precisa que o ambiente de seu quarto seja leve, a luz não pode ser muito forte ou direcionada ao bercinho, as cores não devem ser muito fortes que agridam os olhinhos dele. Lembrando que quaisquer pintura, colagens devem ser feitas alguns meses antes dele nascer. Quando o bebezinho chegar não deve ter cheiro de tintas, colas etc...
Aqui vai alguns exemplos negativos e positivos na escolha da decoração do quartinho...



Essa opção acabou por ficar muito carregada e não aponta para a tranquilidade do bebezinho, tantos babados acumulam pó, o que também é bom recordar em algumas das opções abaixo com tapetes felpudos.


Gente, se gostam de rosa ou de lilás, tem opções muito lindas, delicadas cores claras que não agridem os olhinhos deles e nossos... Olhem esses que graça!







Quando não se tem certeza do sexo, a opção é fazer o quartinho num tom neutro, e a escolha quase sempre recai sob o amarelo e o verde, mas mais uma vez temos que pensar em não carregar demais no tom e nos detalhes, o simples é sempre mais elegante...



 Se gosta de verde e seu filho não é filho do Incrível Hulk, a opção abaixo é tudo de lindo, notem o detalhe da iluminação discreta.


E o amarelo, pode ser bastante repousante, mas não se for feito assim...


No lugar dessa opção acima muito carregada, temos essas opções abaixo mais delicadas, podendo usar o branco com alguns apontamentos em amarelo, fica muito lindo.




Enfim meus eleitos